Orçamento 2019 de Colinas prevê 22% em investimentos

Prefeito de Colinas comemora estimativa de mais de 4 milhões.

get_comments();?> get_views();?>
Foto: Reprodução

O prefeito Sandro Herrmann (PP) participou do programa Realidade, na Rádio do Vale AM 820. Um dos destaques do chefe do executivo colinense, foi a programação de Natal, onde ele fez o apelo a comunidade para que valorize os eventos locais. O primeiro dia da programação Natalina é no próximo sábado (1º).

A primeira atividade será cinema na Praça dos Pássaros. O evento ocorre na Concha Acústica, espaço inaugurado recentemente. A programação inicia com acústico de Fernando de Souza, a partir das 20h, e às 21h cinema através do Cine Sesc. O longa-metragem exibido será “O Menino no Espelho” – classificação livre, de Guilherme Fiuza Zenha.

O prefeito também convidou a população do Vale do Taquari para prestigiar a passagem da Maria Fumaça Malet. Colinas é um os municípios no roteiro. Construída em 1920, movida à lenha, totalmente enfeitada para a data mais aguardada no mundo inteiro, a Maria Fumaça Malet chega ao Vale do Taquari, nesta quinta-feira, dia 29 de novembro, acompanhado de diversas atrações culturais. A previsão é que passe por Colinas às 18h40 de sábado (1º) e que saia um passeio do próprio município na quarta-feira (12), às 19h, que passará por Roca Sales, e culminará em Muçum.

Além do turismo, Herrmann avaliou o ano de 2018, dizendo que foi um ano de dificuldades, mas que foram feitos investimentos, de forma especial na educação. Por fim, falou sobre a previsão orçamentária de 2019. Os investimentos previstos são de R$ 4 milhões. Comparando os números, tem-se que o orçamento de 2018 é de R$ 16,4 milhões e a projeção para 2019 chega a R$ 19,6 milhões, com um crescimento de 19,51%.

Quanto a previsão de investimentos de mais de R$ 4 milhões em 2019, o prefeito comemora a projeção, sendo que nos últimos anos dificilmente algum município tem conseguido ultrapassar a casa dos 10% pelas condições finnceiras baixas para a realização de obras. “Se conseguirmos chegar a esse número, estariamos ultrapassando uma marca histórica, de 22% do orçamento sendo aplicados na realização de obras públicas em benefício da população”, afirma. JC

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here