Não bastasse uma das piores estiagens registradas nas últimas décadas, problemas com o fornecimento de energia elétrica ampliaram os prejuízos dos produtores rurais do Vale do Taquari. Em Colinas, agricultores chegaram a ficar mais de 50 horas sem luz. Houve mortandade de frangos e redução na produção de suínos e de leite.

Ouça a matéria

O prefeito Sandro Ranieri Herrmann concedeu entrevista ao Programa Realidade da Rádio do Vale e relatou que os produtores estão esgotados mentalmente. Isso reflete em iniciativas como de uma série de agricultores do município que protestou enfrente à sede da RGE na semana passada, derramando leite azedo na fachada do prédio da empresa.

Fotos: Luan dos Santos

Mesmo após as reuniões e cobranças do Ministério Público, nesta semana o interior de Colinas voltou a ter problemas no abastecimento de energia elétrica. Houve queda de poste de madeira em Linha Wolf, prejudicando o fornecimento. Nesta quarta-feira (26), houve a queda de uma chave e o restabelecimento do serviço ainda não havia sido feito quase um dia depois, apesar de ser considerado um trabalho simples para a concessionária.

Sandro Ranieri Herrmann informou que a agência reguladora chegou a autuar a RGE em 2020, mas afirmou que isso não basta. A expectativa é pela melhora na prestação de serviço, para evitar mais prejuízos aos produtores rurais. GL

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here